Campanha “Agosto Dourado” promove conscientização sobre a importância da amamentação no HR
Mesmo em meio à pandemia, o ‘Agosto Dourado’ foi celebrado com adaptações


31/08/2020 11:28:21 Assessoria de Imprensa | Bianca Santos NOTÍCIAS

O Hospital Regional de Presidente Prudente ‘Dr. Domingos Leonardo Cerávolo’ comemorou neste mês o “Agosto Dourado”, campanha criada pela Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP) baseada na semana do aleitamento. A ação propõe o incentivo da amamentação a partir do aconselhamento eficaz e humanizado.

Segundo o médico pediatra e neonatologista do HR, Murilo Sabbag Moretti, o leite materno é importante para crianças pequenas, especialmente as lactentes – crianças até dois anos – pois contém todos os nutrientes necessários para o completo desenvolvimento infantil.

“O leite materno melhora o vínculo afetivo entre mãe e bebê, diminui cólicas, melhora o desenvolvimento, previne alergias, doenças contagiosas e infecciosas, pois além de nutrir, contém anticorpos que reforçam a imunidade da criança”, frisa.

Campanha 2020

Infelizmente o mês de agosto este ano está sendo marcado pela pandemia da COVID-19, por isso o serviço de Fonoaudiologia precisou se adaptar para que a data continuasse sendo celebrada no Hospital Regional.

“Realizamos orientações individuais com as puérperas sobre o aleitamento, enfatizando com cada mamãe a importância do leite materno especialmente em meio à pandemia, por ser considerado um alimento padrão ouro e a primeira ‘vacina’, a primeira dose de imunidade do recém-nascido. Porém, explicamos que é preciso redobrar os cuidados com a higiene neste período, como na lavagem das mãos, dando atenção aos sintomas gripais e também no manejo da doação de leite”, explica a fonoaudióloga responsável pela campanha Mariana Passos Rodrigues.

 

Segundo o Ministério da Saúde, confira algumas recomendações e informações importantes sobre a amamentação:

 

- A amamentação não deve causar dor. Se a mulher sente dor, deve procurar imediatamente uma unidade básica de saúde ou Banco de Leite Humano;

- Não existe leite fraco. O leite da mãe tem os nutrientes necessários para o bebê. Por isso, amamente até os dois anos ou mais e de forma exclusiva até o sexto mês de vida;

- Não dê chupetas, bicos e mamadeiras, pois podem levar o bebê a rejeitar o peito da mãe, além de causar problemas nos dentes, na fala e na respiração;

- Não use medicamentos sem a prescrição de um médico. Alguns deles podem interferir na amamentação;

- Não é recomendado dietas para emagrecimento. A mulher que amamenta precisa ter uma alimentação saudável;

- Bebidas alcoólicas e cigarros devem ser evitados; e a mulher que usa drogas, como maconha, crack e cocaína, não deve amamentar.


Tags:  

Galeria