HR nomeia Centro Obstétrico em homenagem ao ginecologista e obstetra Dr. Edgard Guariento Guimarães
Solenidade simbólica ocorreu na manhã desta segunda-feira (30)


30/08/2021 14:00:09 Assessoria de Imprensa | Bianca Santos NOTÍCIAS

Foi realizada na manhã desta segunda-feira (30/08), a solenidade de nomeação do Centro Obstétrico do Hospital Regional de Presidente Prudente, em homenagem ao ginecologista e obstetra Dr. Edgard Guariento Guimarães, que faleceu em novembro de 2018, vítima de câncer, aos 61 anos.

Em uma cerimônia restrita a autoridades, amigos e familiares, a placa foi descerrada pelo diretor administrativo da unidade, Frei Tarcísio Marchini, ladeado pela esposa do médico, Maria Cristina F. Itapema Alves, além do ginecologista e obstetra Fernando Barreiros e o atual prefeito de Presidente Prudente, Ed Thomas.  

Em nome da família, Maria Cristina, agradeceu todo o carinho recebido na homenagem. “O Edgard sempre se dedicou incansavelmente à medicina, agradeço a todos que fizeram este momento ser tão especial e único para todos nós. O carinho da equipe do Hospital Regional conosco é algo que jamais será esquecido”, disse emocionada.

A nomeação do Centro Obstétrico surgiu através de um pedido do Dr. Fernando Barreiros ao então deputado estadual da época e atual chefe do Executivo, Ed Thomas, autor do Projeto de Lei 1.297/2019, aprovado pela Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo e publicado no Diário Oficial em dezembro daquele mesmo ano.

No texto do PL, Ed Thomas ressaltou a importância do Dr. Edgard para o Hospital Regional, desde o antigo Hospital Universitário. “Foi um incansável trabalhador em prol da melhoria dos serviços prestados às pacientes ali atendidas. Além disso, foi responsável pela formação de inúmeros alunos de medicina, bem como, dezenas de residentes, atuando, sobretudo na área de ginecologia e obstetrícia”, ressaltou. Ainda segundo o autor da nomeação, a memória e a lembrança vivida dos ensinamentos deixados pelo ginecologista e obstetra na unidade, o caráter e a honradez do médico permanecerão para sempre presentes.

“Trata-se de uma justa homenagem ao homem, médico, humanista e professor que, destacadamente, atuou em prol da saúde pública da população de Presidente Prudente”, frisou.

 

Em nome da unidade

Frei Tarcísio Marchini ressaltou que a nomeação foi uma homenagem justa ao profissional que exerceu com tanto amor e dedicação a ginecologia e obstetrícia na unidade. “Desde os tempos de H.U, o Dr. Edgard fez história neste hospital. Esta homenagem é a nossa demonstração de gratidão pelo serviço prestado por ele nesta casa de cura. O seu nome não é apenas uma homenagem ou a nova denominação do Centro Obstétrico, mas é um Projeto de Lei, aprovado pela Câmara dos Deputados”.

 

Palavras de um amigo e grande admirador

Segundo o Dr. Fernando Barreiros, em seu tributo divulgado no site da Associação de Obstetrícia e Ginecologia do Estado de São Paulo (Sogesp), Edgard Guariento Guimarães foi um expoente da obstetrícia no Estado de São Paulo. “[...] Ingressou na Faculdade de Medicina PUC de Sorocaba em 1977, formando-se em 1982. Concluiu Residência Médica pelo Hospital e Maternidade Leonor Mendes de Barros Casa Maternal e da Infância em 1984, tendo trabalhado em vários serviços de obstetrícia na capital”, relatou.

Por possuir familiares em Presidente Prudente, mudou-se para o município em 1985, e, três anos depois, já chefiava a criação do Departamento de Ginecologia e Obstetrícia da Faculdade de Medicina da Universidade do Oeste Paulista (Unoeste). Além disso, criou junto ao Dr. Dauto de Almeida Campos e outros profissionais, a residência médica de Ginecologia e Obstetrícia do então Hospital Universitário de Presidente Prudente em 1999.

Seu legado também refletiu na implantação regional da Sogesp e na formação de inúmeros alunos e residentes, sempre estimulados a vivenciar o saber científico. “A imagem de todos nós, era do professor Edgard junto às pacientes, na enfermaria, de mãos dadas com elas, questionando os alunos e ensinando medicina. Para nós que o conhecemos, convivemos com ele e o admirávamos muito, vai fazer muita falta.
Deixou uma saudade e um espaço vazio que jamais será preenchido, mas deixou também a lembrança de um profissional ético, dedicado e extremamente estudioso”, finalizou Dr. Fernando Barreiros.


Tags: